quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

DIZER : NÃO...... É DIFICIL??????

Já aqui deixei escrito mas volto a afirmar que me considero uma pessoa directa, tanto a falar como a
escrever vou directa "aos finalmente"...
Se isso é bom ou mau ainda não descobri!
Atenção: ser directa não é ser mal educada,  ou malvada.
Hoje, fui ao Pingo Doce fazer uma troca.
.Sem carteira, entrei a correr com o produto e o recibo na mão e sem mais nem menos, duas miúdas de 13 ou 14 anos dirigem-se a mim e perguntam: olhe, por favor dá-me 50 cêntimos????
Resposta: NÃO.
Perante a minha resposta curta e fria ficámos a três a olhar umas para as outras.
Eu, esperei que elas me explicassem ou justificassem o pedido, da minha parte, pensei:
Devo explicar-lhes porque não lhes dou os 50 cêntimos????
Tinha muito para dizer...mas decidi calar-me.
Afastei-me e quando me vinha embora vi que um senhor lhes deu o dinheiro.
Em criança foi-me dito:
Não se deve falar com estranhos
Não se deve aceitar nada de pessoas que não conhecemos
Em caso de aflição ou necessidade pedimos ajuda a uma pessoa de confiança , procuramos a autoridade...
Fiquei preocupada com as miúdas.
O que pensam? Se soubessem que um dos vossos filhos tivesse esse comportamento o que fariam?????


É difícil dizer não
É difícil ouvir um não














1 comentário:

  1. Quando me pedem dinheiro penso logo que é para o tabaco ou para a droga. Não alimento vícios. Um dia um jovem pediu-me dinheiro porque tinha fome. Por coincidência... ou talvez não... estavamos perto de um café. Sugeri que ele entrasse e eu pagar-lhe-ia uma sandes e um café ou refresco. Disse-me que não. E eu virei-lhe as costas rapidamente e entrei no carro.

    “Meditation for men who do too much” ? Mas qual é o homem “who does too much” ? : )

    ResponderEliminar