quarta-feira, 7 de abril de 2010

Perfumes e memórias


perfume on vanity
Upload feito originalmente por saucy dragonfly
Aqui está uma coisa a que dou muita importância.
Lembro-me do meu primeiro perfume, era o "JE REVIENS" um bocadinho doce, um cheirinho de Inverno.
O perfume que levei à minha primeira festa: Y- Yves st Laurent (era da minha mãe e hoje penso que era um bocado pesado para a minha idade...), na fase das saídas nocturnas, discotecas usei muitos (eram todos da minha mãe), Intimate, Amazone-Hermes, L'air du temps-Nina Ricci......duas das minhas amigas também cá vinham perfumar-se!
Estes cheiros estão sempre associados a Pessoas e a Lugares...tenho por hábito estrear um perfume sempre que vou viajar :) adoro, associar o cheiro a determinada cidade.
Mais tarde, quando comecei a trabalhar e a comprar os meus perfumes tive que ser mais comedida...
Tive várias "paixões" , o Paris( ysl), Paloma (picasso), First.
Nunca uso mais de que um perfume, só compro um novo depois de ter gasto o anterior, na perfumaria não gosto de escolher pois os cheiros estão muito misturados, normalmente alguém passa por mim e.. se gosto do cheiro, não desisto enquanto não descobrir qual é!
Em casa, principalmente no inverno, também gosto que a casa tenha um cheirinho muito suave e lavadinho procuro óleos ou velas com cheiro "cotton" ou "Linnen" e ás vezes encontro estes cheiros em pó para meter no aspirador e casa fica muito bem cheirosa.
No dia a dia a Lavanda é a minha melhor amiga.
E para vocês o cheiro é importante?

13 comentários:

  1. Hum... que cheirinho!
    Claro que os cheiros são importantes, não só os da terra seca ou molhada, do cheiro a maresia, das esperiarias, o cheiro daquela pessoa especial...
    Quanto a perfumes, dos que aqui referes e com o qual me identifico mais porque o tenho é o L'air du Temps e sou fiel a mais dois para além deste.

    bjinhos

    ResponderEliminar
  2. Muito me contas! O L'air du temps, pensava eu que ninguém o conhecia...sempre achei que era perfume de velhotinha!!!Acho que és a 1ª pessoa que conheço que o usa :)
    Também adoro o cheiro a relva molhada e cortada...isso é que para mim é o começo da Primavera!
    xx

    ResponderEliminar
  3. Também usei o L'Air du Temps, e também era da minha mãe :) Felizmente, ela tinha um emprego em que lhe davam muitos perfumes.
    Depois, tive uma pancada pelo Magie Noire, usei durante anos. Agora, sou menos esquisita.
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Ora aqui está uma coisa agradável. No relativo mofo em que o Espumadamente se encontra, descobrir um post perfumado como o teu é, no mínimo, balsâmico. E apeteceu-me ir acender uma velinhas de cheiros... mas passou-me logo a vontade. Coisas de homem, percebes não é papoila?
    :))))

    ResponderEliminar
  5. deixei um comentário... mas não apareceu nada...

    ResponderEliminar
  6. já percebi... :))))) é a comissão de censura ;:))

    ResponderEliminar
  7. Olá Viva Papoila,

    Li um comentário seu e tive curiosidade em visitá-la.

    Muito interessante este seu post.
    Todos temos um perfuma, é o nosso carisma, assim penso.

    Também vim mudando, dos mais recentes (já foram tantos) lembro-me da minha paixão pelo Trésor, depois do Ysatis, e como sou muito fiel ao meu próprio cheiro, há anos que uso o Flower by Kenzo.

    Neste momento, o cheirinho que mais me agrada, é o das frésias no primeiro canteiro mal saio para o jardim.

    Beijinho,

    ResponderEliminar
  8. Teresa,
    Mais uma adepta do L'air du temps! Lembro-me perfeitamente do nome "Magie Noire" mas não me lembro do cheiro...qq dia vou cheirá-lo.:)
    Espumante,
    Bons olhos te tragam por aqui! Foi a preguiça que te apanhou! :)! olha que um cheirinho sabe sempre bem!
    Fernanda,
    Ainda bem que apareceu! O Tresor, não usei mas lembra-me uma colega com quem trabalhei durante vários anos, já não a vejo há muito tempo e foi bom recordá-la! Os do Kenzo nunca tive mas gosto deles e acho-os um pouco exóticos.
    As flores, a relva e a terra são os perfumes mais naturais e nunca são enjoativos! (mentira:detesto o cheiro do jasmim!mas é o único!)

    ResponderEliminar
  9. Espumante,
    Foi um devaneio do computador! Como vês estão cá todos os teus comentários!:):)

    ResponderEliminar
  10. Amo perfumes!!!.. mas não conheço nome de nenhum rss Não sou muito ligada a isso, mas também faço como você, uso um para depois comprar outro.

    Fofo o post ^^

    ResponderEliminar
  11. Claro que é importante... mas de alguns cheiros o melhor é fugir bem depressa. Não sei se me faço entender...

    ResponderEliminar
  12. Papoila, para mim é importantíssimo, porque me falta. Não tenho olfacto e julgo que praticamente desde que nasci. Por isso, também não tenho memória olfactiva, embora, por vezes, me pareça que apanho alguns aromas pela boca, como se o ar tivesse sabor. E sou particularmente sensível a boas descrições de cheiros – que, curiosamente, nunca obtive, fora da literatura, senão de mulheres. :-)

    ResponderEliminar
  13. Clara, não conheces estes porque és muito mais nova do que eu...:) agora há muitos perfumes recentes que devem ter mais a ver contigo!
    Carlos, lembrou-se bem! Maus odores o melhor é fugir deles!
    Luisa,que pena não ter olfacto!Não tendo olfacto como é o seu paladar??? Quando tenho o nariz entupido não tenho paladar o que me transtorna imenso pois sou uma grande apreciadora de bons manjares :):)...espero que possa ter o prazer de uma boa e apetitosa refeição!
    Acho que nós, mulheres, damos mais importância aos odores do que os homens...nem é necessário pensar em perfumes repare-se na quantidade de cheiros constantemente renovados se encontram nos detergentes!

    ResponderEliminar